MAPA MENTAL E A DISCIPLINA DE IMUNOLOGIA ANIMAL NA PERSPECTIVA DA PSICOPEDAGOGIA EM MEDICINA VETERINÁRIA: REVISÃO LITERÁRIA

Autores

DOI:

https://doi.org/10.32435/envsmoke.20192352-61

Palavras-chave:

Mapa mental, Ensino/aprendizado, Imunologia

Resumo

As técnicas e metodologias de compreensão e aprendizagem deverão ser ações integradas de atividades que o acadêmico priorize. Assim, os mapas mentais devem ser manipuláveis e ser adaptáveis, seguindo a necessidade da disciplina. A imunologia animal procura a compreensão de como o estado de equilíbrio influencia na qualidade de vida e sobrevivência dos animais. Sob a visão da psicopedagogia, o estudo do comportamento sob a influência do ensino/aprendizado, aqui expressa pelos quadros mentais tende a apresentar um melhor resultado dos atos empregados na sala de aula. Com a revisão bibliográfica e pesquisa participante, foi possível observar que o ensino/aprendizado sob a atuação dos mapas mentais influenciam significativamente na perspectiva da aprendizagem, favorecendo o crescimento dos educandos de medicina veterinária.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Gil Dutra Furtado, Centro Universitário Maurício de Nassau (UNINASSAU-PB). Cooperativa de Serviços Técnicos do Agronegócio (COOPAGRO)

Graduando em Medicina Veterinária/Centro Universitário Maurício de Nassau (UNINASSAU); Engenheiro Agrônomo/Universidade Federal da Paraíba (UFPB); Doutor em Psicobiologia/Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN); Sócio da Cooperativa de Agronegócio (COOPAGRO)

Leonardo Alves Farias, Centro Universitário Maurício de Nassau

Mestre; Médico Veterinário; Professor/UNINASSAU, Brasil.

Grazielly Diniz Duarte, Centro Universitário Maurício de Nassau

Graduanda em Medicina Veterinária/UNINASSAU, Brasil.

Referências

ABBAS, A.K.; LICHTMAN, A.H.; PILLAI, S. Imunologia celular e molecular. Rio de Janeiro: Elsevier, 6. ed., 2008.

ANDRADE, V.A.; ARAÚJO-JORGE, T.C.; COUTINHO-SILVA, R. Concepções discentes sobre imunologia e sistema imune humano. Investigações em Ensino de Ciências, Porto Alegre, v. 21, n. 3, p. 1-22. 2016.

BARBOSA, C.A.C.; FURTADO, G.D. Dificuldades de aprendizagem em adultos: psicoandragogia como estratégia para propiciar uma melhor aprendizagem. Environmental Smoke, João Pessoa, v. 1, n. 2, p. 50-59, 2018.

CFMV (CONSELHO FEDERAL DE MEDICINA VETERINÁRIA). Estratégia de ensino-aprendizagem para desenvolvimento das competências humanísticas. Brasília. 2012. Disponível em: http://portal.cfmv.gov.br/uploads/files/Estrategias%20de%20Ensino-aprendizagem%20para%20Desenvolvimento%20das%20Competencias%20Humanisticas_site.pdf. Acessado em: 08 set. 2019.

CHARLEY, B. The immunology of domestic animals: its present and future. Veterinary Immunology and Immunopathology, v. 54, n. 1-4, p. 3-6, 1996.

CORDEIRO, J. Didática. São Paulo: Contexto. 2007

CRUVINEL, W.M.; MESQUITA JÚNIOR, D.; ARAÚJO, J.A.P.; CATELAN, T.T.T.; SOUZA, A.W.S.; SILVA, N.P.; ANDRADE, L.E.C. Immune system: Part I. Fundamentals of innate immunity with emphasis on molecular and cellular mechanisms of inflammatory response. Brazilian Journal of Rheumatology, São Paulo, v. 50, n. 4, p. 434-447, 2010.

FONSECA, J.J.S. Metodologia da pesquisa científica. Fortaleza: UECE, 2002.

FURTADO, G.D.; BARBOSA, C.A.C.; COSTA, D.A. Ações psicopedagógicas em uma pós-graduação no estado da paraíba, Brasil: uma realidade institucional. Revista Etos, Cabedelo, v. 1, p. 128-137, 2017.

FURTADO, G.D.; CÓRDULA, E.B.L. Pós-graduação: uma necessidade estressante ao novo educador. Revista Educação Pública, Rio de Janeiro, v. 16, p. 1-9, 2016.

FURTADO, G.F.; SANTOS, K.C.S. Epistemologia do educando cognoscente sob estresse psicológico prolongado: um estudo de caso. Revista Intersaberes, v. 10, n. 20, p. 467-326, 2015.

GIL, A.C. Metodologia do ensino superior. 4. ed. São Paulo: Atlas, 2011.

PACHECO, F.C.; CARDOSO, E.M. Imunidade Inata e Inflamação. In: AROSA, F.A.; CARDOSO, E.M.; PACHECO, F.C. (Eds.) Fundamentos de Imunologia. Lisboa: LIDEL-Edições Técnicas, 2012. 2 ed., p. 57-102.

PORTILHO, E.M.L. Como os alunos universitários gostam de aprender. 2005.

SANTIAGO, B.C.F. O uso dos mapas mentais no ensino de geografia como possibilidade de inserção do lugar para uma aprendizagem significativa. 151 f. Dissertação (Mestrado em Educação) – Universidade Federal de Juiz de Fora. Minas Gerais. 2017.

TIZARD, I.R. Imunologia veterinária – Uma introdução. São Paulo: Roca, 6 ed., 2019.

Downloads

Publicado

31/10/2019

Como Citar

Furtado, G. D., Farias, L. A., & Duarte, G. D. (2019). MAPA MENTAL E A DISCIPLINA DE IMUNOLOGIA ANIMAL NA PERSPECTIVA DA PSICOPEDAGOGIA EM MEDICINA VETERINÁRIA: REVISÃO LITERÁRIA. ENVIRONMENTAL SMOKE, 2(3), 52–61. https://doi.org/10.32435/envsmoke.20192352-61

Edição

Seção

Artigos Completos

Artigos Semelhantes

Você também pode iniciar uma pesquisa avançada por similaridade para este artigo.

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)

> >>